Corinthians perde grande patrocinio de empresa de Bitcoin

Data:

Um dos primeiros clubes do futebol brasileiro a entrar na empreitada de investimentos em ativos digitais e Web3, o Corinthians, encerrou recentemente seu vínculo com a exchange Mercado Bitcoin, que patrocinava o clube desde a temporada passada.

O acordo entre as partes selado em 2021, fazia do Timão o primeiro time brasileiro a ser patrocinado pela marca. De acordo com a empresa, em anúncio oficial feito em maio, o cancelamento do contrato se dá pelo foco que o Mercado Bitcoin terá na criação de seu próprio projeto de time de futebol, só que além do campo IRL (vida real), também trazendo experiências no ambiente Metaverso.

Apesar de anúncios e falas dos dois lados de que o vínculo se encerrou, inclusive com decretos de que a marca não estamparia mais o uniforme do Corinthians, o patrocínio segue intacto na camisa, inclusive, com um design remodelado.

Tal fato ficou muito confuso para os Investidores e torcedores do clube, já que era esperado que conforme a marca anunciou, a parceria quanto a sua logo não estaria mais presente nos uniformes.

Nenhuma notícia quanto a mudança de ideia na rescisão surgiu mas mídias, nem internamente no clube, o que coloca como principal hipótese um prazo estipulado na parceria anteriormente, para que pelo menos até o fim da temporada ou do contrato prévio, a Mercado Bitcoin esteja no manto alvinegro.

De acordo com contrato firmado em setembro de 2021, o negócio tem duração até dezembro de 2022, o que casa também com o início de fato do projeto do time da Mercado Bitcoin, aumentando ainda mais as chances do patrocínio deixar a camisa apenas no fim do ano.

Mercado Bitcoin e seu time de Futebol

Inspirada na ideia de um movimento digital que toma forma nos Estados Unidos, da criação de times do Metaverso na vida real, o Mercado Bitcoin vai passar a manter seu projeto ambicioso a partir de janeiro de 2023. A equipe criada pela empresa terá o nome de Metaverse DAO Football Team.

Os acionistas contam com a experiência adquirida no meio do futebol brasileiro não só com o patrocínio do Corinthians, já que posteriormente tambem acabou por firmar negócios com Vasco e Santos. Esse último sendo um de mais sucessos, montando um dos Fan Tokens mais valorizados não só do futebol brasileiro, mas também do mundo.

Em entrevista ao Blog ‘GazetaEsportiva’, o diretor de patrocínios da exchange, Sérgio Veiga, comentou sobre o projeto do Metaverse DAO Football Team, e contou como será o processo de captação de atletas.

“A expectativa é definir em janeiro de 2023 a comissão técnica, para fazer entre março e junho, uma peneira nacional, passando por todos os estados brasileiros em busca de talentos para formar as equipes sub-21, tanto masculino quanto feminino”, revelou Sérgio Veiga.

Ainda não há informações sobre parcerias com outras equipes de base, mais patrocínios e o dinheiro que será injetado para o início desse projeto. Mas a expectativa de um novo clube empresa no cenário do futebol brasileiro não agrada a todos, que cada dia mais vê não só as criptomoedas, mas o dinheiro no geral dominar o esporte.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhar

Mais lidas

Continue Lendo
Relacionados

Produtora de NFTs se torna mais nova parceira de gigante da NFL

Gigante na produção de NFTs e ativações no mercado...

Golpe de Criptomoeda da Copa do Mundo 2022 derrete 70%; Veja o prejuízo

A pouco menos de 100 dias para o início...

Uniforme de Equipe de Rugby ganha patrocínio de Jogo NFT

Nos dias de hoje, é mais do que comum...

Esportes já receberam bolada em investimentos da Web3; Veja o valor bilionário

Já a mais de dois anos, os ativos digitais...