Atletas ganha seu próprio NFT após feito histórico

Data:

O histórico torneio de tênis de Wimbledon e o ex-campeão Andy Murray se uniram ao artista digital Refik Anadol para lançar uma arte NFT oficial de Wimbledon no Ethereum.

O projeto de arte digital baseado em dados, “The Exposition”, foi criado usando 18 anos de dados de Andy Murray em Wimbledon – incluindo suas duas vitórias no Grand Slam no prestigiado torneio de tênis em 2013 e 2016 – juntamente com sessões exclusivas de captura de movimentos. O projeto é anunciado como uma “primeira fusão mundial de arte digital, esporte e ciência de dados”.

A edição aberta do NFT foi colocada à venda hoje cedo via manifold.xyz para coincidir com a partida da segunda rodada de Murray em Wimbledon 2023, e estará disponível até 16 de julho. Os NFTs, que foram produzidos com a consultoria Web3 FAN3, custam US$ 147 cada. Murray foi finalmente eliminado do torneio na sexta-feira.

Entenda o processo de criação do NFT

Para “The Exposition”, os desenvolvedores criaram um algoritmo exclusivo que usa milhões de entradas de estatísticas junto com dados de movimento, áudio e visuais. As explosões de cores resultantes representam o “drama, as rivalidades e as vitórias no campeonato” da carreira contínua de Murray em Wimbledon, de acordo com a descrição do projeto.

De acordo com a página suspensa, a obra de arte reeimagina como os dados esportivos de alto desempenho podem ser compreendidos e apreciados de uma forma surpreendentemente visual”.

“Estou entusiasmado com a parceria com Wimbledon e Refik Anadol Studio em um projeto de arte digital inspirado em dados envolvendo todas as partidas que já joguei em Wimbledon”, escreveu Murray no Twitter.

Os detentores da Exposição poderão desbloquear “oportunidades futuras”, incluindo acesso exclusivo para comprar uma edição física impressa do NFT produzida pela Avant Arte como uma forma de misturar ainda mais o mundo físico e digital.

Também foi confirmado que mais colaborações entre Murray, Wimbledon e Anadol serão lançadas nos próximos meses. Os criadores capturaram os dados de Murray em sua última corrida em Wimbledon com o objetivo de usá-los em trabalhos futuros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhar

Mais lidas

Continue Lendo
Relacionados

Empresa lança NFTs para apoiar futebol feminino; Entenda

O banco de investimento suíço Credit Suisse e a...

E-Sports e Metaverso; Conheça projeto da Talon

Talon Esports anunciou que está lançando um metaverso para...

2024 o ano dos Fan Tokens? Veja as melhores opções

A introdução da tecnologia blockchain e das criptomoedas revolucionou...

Gigante do Futebol Inglês cria sua própria Criptomoeda

O Tottenham Hotspur está colaborando com o Socios.com para...