Entenda a presença da Nike no universo das NFTs

Data:

Talvez a maior marca e com mais renome quando o assunto são artigos esportivos e roupas no geral, a Nike finalmente deve adentrar no universo dos NFTs. A gigante norte americana, já investiu desde o início do ano mais de 10 milhões de dólares para produzir e montar os designs de tênis, que serão vendidos em formato de tokens não fungíveis (NFT)

O início do projeto veio junto da compra da RTFKT, que já produz os Sneakers no âmbito virtual há algum tempo.

Febre e significado de ostentação e moda no mundo real, os tênis da Nike prometem chegar com tudo em uma coleção com mais de 10.000 mil peças.

Os valores vão variar de 7,5 mil a 9 mil dólares em média, isso por ser adquirido via a cripto ETH (Ethereum), maior coin na obtenção de NFTs, ou seja, de 2,5 até 3 ETH.

Para tornar ainda mais único os Cryptokicks, como serão chamados os NFTs obtido pelo comprador, a plataforma junto a Nike disponibilizará a opção de personalização, com pacotes a ser comprados custando no mínimo 0,8 ETH, ou, 2,5 mil dólares.

Com ‘skins’ mais raras que outro, estima-se que um Cryptokicks possa chegar a bagatela de 450 mil dólares (150 ETH), dependendo da combinação de customizações e raridade de aparências.

Tênis NFT da Nike chegará ao mundo real?

Uma grande dúvida que subiu a cabeça dos fãs da marca e principalmente dos ‘sneakerheads’, como são chamados os aficionados e colecionadores de tênis, foi se os Cryptokicks chegariam ao IRL (Vida Real).

A Nike no entanto não pensa nessa possibilidade no momento, focando na exclusividade e valorização do token no âmbito virtual.

O mais próximo que aqueles que possuírem um Cryptokick terá da realidade, será um filtro no Snapchat, disponibilizado pela Nike, onde será possível visualizar a NFT em realidade aumentada.

NFT da Nike já está sob posse de alguns usuários

Antes de se tornar parte da Nike, RTFKT era um grande nome no meio das NFTs, e contia seus números de fãs e usuários.

Criadora da coleção Clone X, desenhada pelo artista Takashi Murakami, a marca em conjunto com a Nike deu de presente uma espécie de “caixa surpresa” aos antigos proprietários do Clone X.

No entanto, apenas um terço dessas caixas distribuídas foram abertas por aqueles que receberam. Ou seja, ainda dois terços estão para serem abertos e com Cryptokicks ainda não vistos pela comunidade.

Nike contra a Adidas no NFT

A ideia da Nike no mundo dos NFTs explodiu após uma parceria justamente da maior rival da empresa no ramo, a Adidas.

A marca alemã já algum tempo está presente na web3, inclusive com parcerias milionárias e super populares como por exemplo com a coleção Bored Ape Yatch Club.

Com a Nike se introduzindo nesse universo, a expectativa é que a rivalidade no mundo real cresça ainda mais no ambiente virtual, com cada uma brigando pelo seu espaço em uma das redes de criptoativos mais lucrativas do mundo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhar

Mais lidas

Continue Lendo
Relacionados

Empresa lança NFTs para apoiar futebol feminino; Entenda

O banco de investimento suíço Credit Suisse e a...

E-Sports e Metaverso; Conheça projeto da Talon

Talon Esports anunciou que está lançando um metaverso para...

2024 o ano dos Fan Tokens? Veja as melhores opções

A introdução da tecnologia blockchain e das criptomoedas revolucionou...

Gigante do Futebol Inglês cria sua própria Criptomoeda

O Tottenham Hotspur está colaborando com o Socios.com para...